quinta-feira, 21 de julho de 2011

KLEBER DO PALMEIRAS – ATACANTE COM POUCO FUTEBOL, MUITA MARRA E NENHUMA ÉTICA.

O JOGADOR ANDRÉ DIAS COM O ROSTO DESFIGURADO POR UMA COTOVELADA -
QUEM FOI O AUTOR DA "OBRA" ?

O jogo entre Palmeiras e Flamengo disputado ontem à noite foi pobre em futebol.

Nenhum gol foi marcado, e os jogadores dos dois lados abusaram de lances violentos e encontrões.

Para quem conheceu Ademir da Guia e Dudu ou Zico e Andrade, é difícil assistir uma partida dessas até o final.

Para que possamos ter uma idéia real do que foi a partida, basta dizer que o lance “mais emocionante” nasceu de uma “jogada” do atacante Kleber, que após uma “bola ao chão” na qual o Flamengo ficaria com a posse, ele, Kleber, enganou o juiz, enganou os zagueiros do Flamengo e enganou até seus companheiros de equipe, simulando que ia jogar a bola pela lateral, mas, arrancando na direção do gol do Flamengo, finalizando com um bisonho chute a sua investida descabida.

Kleber mandou mais uma vez as favas a esportividade o respeito a uma tradição de cavalheirismo e ética, que ainda existe dentro do campo entre os profissionais e tentou via atitude oportunista e moleque marcou o gol cujo talento lhe faltou para fazer de forma correta.

Seguiu-se a atitude infeliz do jogador do Palmeiras uma discussão e empurra-empurra que o péssimo árbitro outra vez assistiu sem nada fazer.

Entre mortos e feridos salvaram-se todos, menos o futebol limpo e bem jogado, esse coitado vem sendo assassinado com atitudes como a de Kleber e outras ainda pior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores