A Guerra em São Januário

terça-feira, 29 de setembro de 2015

RONALDINHO GAÚCHO E FLUMINENSE ROMPEM CONTRATO

RESCISÃO AMIGÁVEL APÓS TENTATIVA FRACASSADA DE CONTINUAR 
JOGANDO FUTEBOL

Ronaldinho de joelhos, caído, parado...
Foto - Eduardo Valente/Frame/Folhapress  

Pelo que vem mostrando em campo (NADA) e por (TUDO) o que a vizinhança diz para a imprensa que acontece em sua MANSÃO na Barra da Tijuca, a hora de Ronaldinho Gaúcho parar de tentar continuar como jogador de futebol já passou faz tempo.

Ainda restam na lembrança do torcedor algumas belas imagens de Ronaldinho dentro do campo, com dribles, lançamentos, cobranças de falta magistrais e GOLS. Para que isso não se apague, seria prudente Ronaldinho não insistir em entrar em campo, e mal conseguir se manter de pé, além de não ganhar uma divida ou um rebote que seja.

A bola parece inteligente, e foge dos pés de quem não é craque. No caso de Ronaldinho, de quem já não é mais craque, e pior, nem consegue parecer um jogador de pelada de final de semana.

O jogador e o Clube anunciaram a rescisão amigável do contrato, após três meses em que Ronaldinho atuou em 9 partidas, (poucas do princípio ao fim) não fez nenhum gol, e nem deu um passe decisivo para gol. Foram atuações apagadas, que não justificam o salário anunciado de R$ 600 mil por mês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores